Programa Estética na TV falou sobre Limpeza de Pele Premium

A convidada Edy Guimarães trouxe dicas muito importantes

Por Marisa De Lucia

Para falar sobre Limpeza de Pele Premium, o Programa Estética na TV, apresentado por Cristiano dos Santos no site www.esteticanatv.com.br, trouxe a esteticista, maquiadora e micropigmentadora Edy Guimarães.

Limpeza de Pele Premium

Limpeza de Pele Premium – Edy Guimarães

Esteticista com formação em Estética Facial com o Dr. Ng Payot e Corporal pelo Senac-SP, Cosmetóloga pela Faculdade Anhembi-Morumbi (SP) e Especialista em Estética Ortomolecular com Heloisa Bernardes e pelas Faculdades Integradas Hélio Alonso, Edy Guimarães possui 37 anos de carreira e muita experiência em todas as áreas que envolvem a estética.

Edy iniciou a entrevista elogiando muito o Programa Estética na TV que, segundo ela, é uma verdadeira aula, tanto que as esteticistas acabam colocando em prática! “É uma entrevista muito detalhada”, observou.

Para Edy, uma limpeza de pele completa dura duas horas e o sucesso depende do diagnóstico da cliente. Isto porque futuramente a gente vai sugerir para ela um tratamento pós-limpeza de pele. “É na limpeza de pele que eu faço aquele diagnóstico visual e tátil. Algumas empresas de pele ainda têm aqueles analisadores de pele, que fazem um diagnóstico de pele, que deixa a cliente fica bem impressionada. Eu já aboli isso por conta de minha experiência, mas algumas colegas têm e com ele dá para ver a sujidade, as manchas, ou seja, é uma grande ferramenta para nós argumentarmos o quanto a limpeza de pele é importante”.

Edy explicou que na limpeza de pele que ela faz, ela usa um aparelho portátil alemão, digital, que detecta em 15 segundos se a pele da cliente está hidratada ou muito desidratada, quanto tem de água, seu pH, e ela faz, também, um diagnóstico olhando no rosto dela, fazendo um projeto específico para ela, analisando o todo, se tem algum pelinho fora do lugar, se tem manchas, se a sobrancelha está com aquele arco caído que deixa a pessoa entristecida, se tem flacidez.

“Vou fazendo minha análise, enquanto a cliente vai falando comigo. E vou preenchendo a ficha da anamnese, onde coloco seus comportamentos como, por exemplo, se ela vai a um dermatologista, o que usa no seu dia a dia, o que ela mais gosta nos cosméticos que usa. Tudo isso antes dela deitar-se na cadeira, porque elas trazem muitas informações importantes sobre ácidos já utilizados, enfim, gosto de saber todos os detalhes e sou muito prestativa em responder todas as perguntas dela antes de começar a extração”, observou Edy. Uma reclamação geral de suas clientes, segundo ela, é de que as limpezas de pele estão muito mecanicistas, parece que todas as esteticistas usam o mesmo protocolo, sem fazer uma análise detalhada como ela faz.

Em relação às clientes que têm acne, Edy Guimarães falou que jamais inicia o tratamento com uma limpeza de pele. Ela já alerta a cliente de que é necessário um tratamento, pois a maior preocupação é desinflamar aquela pele. Para uma acne de 3º ou 4º graus, Edy recomenda bastante os peelings, segundo ela, uma sabedoria milenar que funciona até hoje e vai sempre funcionar.

O peeling, segundo Edy, deve ser o ideal para aquela cliente, a partir de diagnóstico, e pode ser feito quinzenalmente, seguindo corretamente o protocolo, desde a higienização, a esfoliação que retira aquela parte queratinizada, desobstrui os poros e renova a pela permitindo uma extração com emoliência, até a aplicação de um laser de baixa potência. “O peeling permite um bom tratamento da pele acneica”, observou.

Edy Guimarães explicou que antes de proceder a limpeza de pele é muito importante saber o que a cliente usa em casa, pois muitas vezes ela está fazendo algum tratamento que contém ácido, o que deixa a pele extremamente sensível dificultando a extração. Nesse caso é necessário começar com alguns cuidados já na higienização. Por exemplo, é bom usar uma espuma de limpeza, um gel, que é menos alcalino que o sabonete, ter cuidado com o que vai limpar. Se a cliente usa ácido, ela não pode usar tônico, nem sem álcool, pois ela não aguentará a ardência. É preciso, portanto, pular algumas etapas. Em relação à extração, Edy disse que antes de começar usa um creme emoliente e citou como exemplos o óleo de melaleuca, a papaína, que deixam a pele sem ressecamento.

Entre os aparelhos que Edy usa estão a Luz de Wood, com a qual dá para detectar o surgimento de manchas, ou seja, quanto aquela pele já está adoentada, e o aparelho alemão, citado por ela no começo da entrevista, chamado Gk4, que dá para detectar a água do corpo nas diversas áreas. Segundo ela, do outro lado do aparelho tem um ultrassom, que possibilita diversos tipos de tratamento desde o básico até um mais complexo. No entanto, este aparelho não é vendido no Brasil. Mas Edy citou também o Dermavil que, embora ela não use atualmente, também permite que a cliente visualize os problemas na pele. “É uma grande ferramenta, um diferencial que você oferece em sua clínica”, disse.

Edy Guimãres - Limpeza de Pele Premium

Edy Guimãres – Limpeza de Pele Premium

Edy comentou que atende públicos de todas as classes sociais e recebe muitos e-mails de pessoas que têm muito interesse em fazer limpeza de pele com ela, pedindo para que ela avise quando vai fazer uma promoção. E isto, segundo ela, é porque ela faz uma limpeza de pele com menos protocolo e mais personalização, prescrevendo o tipo de tratamento adequado para aquela cliente, indicando o que ela vai ter que usar em casa, pós-limpeza de pele.

Ela alertou também para a necessidade de uma boa lavanderia, de lençóis de pano, que trazem maior aconchego, ao invés de lençóis de papel que rasgam facilmente. Contudo, como, muitas vezes, o espaço não comporta uma lavanderia e, também o custo de uma lavanderia é altíssimo, até dá para colocar um lençol de TNT por baixo, mas não se pode cobrir a cliente com ele. Deve-se também, segundo Edy, preparar a sala com aromaterapia, nebulizar uma fragrância gostosa e suave no ambiente e colocar músicas sem comerciais, atentando para o fato de trocar o CD, enfim, se preocupar com o bem-estar da cliente.

Respondendo às perguntas das internautas, Edy Guimarães explicou como usar o óleo de melaleuca, ou seja, basta colocar duas gotinhas num creme que não contenha óleo. Segundo ela, o óleo de melaleuca é um óleo milagroso, pois é antisséptico, é cicatrizante, e deixa a pele sem inflamação, sem vermelhidões, sem aquela aparência de machucada.

A limpeza de pele de Edy Guimarães começa com uma consulta, o que ela acha essencial. Tanto que se a cliente quiser só se consultar, nesta consulta que é cosmetológica ela indica quais cosméticos a cliente deve usar e como usar. Ela alertou para a importância de pesquisar sobre o cosmético antes de adquiri-lo, lendo sua bula, vendo quais ativos ele tem e se ele tem compatibilidade com que você está usando em sua pele no dia a dia.

Voltando aos passos da limpeza de pele feita por Edy, após a consulta vem a limpeza em si, a extração, e a limpeza sempre é feita com peeling, que é um tratamento e deve ter seu valor agregado. Depois vem a hidratação, a massagem e a prescrição. “É impossível você não prestar atenção a esses cinco itens de uma limpeza de pele. E deve-se levar em conta, ainda, que temos que ter também produtos para cada tipo de pele e, inclusive, para demaquilar as clientes que chegam maquiadas”, observou.

Edy Guimarães contou que gosta muito da cultura japonesa e que foi pioneira em usar Shiseido no Brasil. “Quando os japoneses implantaram a marca no País, eu falo com muito carinho que eu fui a única esteticista que teve a marca Shiseido profissional desenvolvida em cabine lá fora”. E falando em cabine, ela disse que a venda caiu muito por conta das vendas na Internet e das farmácias, mas que se ela sempre prescreve um cosmético para a cliente, independentemente dela ter ou não este cosmético para vender uma sua cabine. O importante, segundo Edy, é prescrever o tratamento correto, que vai dar resultado para a cliente.

Edy Guimarães contou um pouco de sua trajetória que começou no Jacques Janine, para ela a melhor academia e pela qual tem paixão, onde tinha aulas com experts e, também, aulas semanais um farmacêutico a seu lado para poder saber quais ativos cada um dos produtos continha.

Ela falou sobre o linergismo, técnica de deixar as sobrancelhas perfeitas que, inclusive, quando ela fez viu que tem muita coisa nova comparada aos cursos que fez há anos atrás. E falou da tendência forte que já está por aí que é a micropigmentação.

Como maquiadora, Edy Guimarães disse que se preocupa, em primeiro lugar, em deixar a mulher com classe. “Não importa se aquele batom, ou aquela cor está na moda, é preciso saber se realmente tem a ver com ela. Por isso, maquiagem é uma coisa que faço por paixão e tenho até hoje cliente antigas que só fazem maquiagem comigo e as novas me procuram porque sempre modernizo, aliás, é preciso reciclar”, alertou.

Edy explicou que um dos motivos de analisar o todo da cliente, é por conta de fazer, além de limpeza de pele que é seu carro-chefe, maquiagem e depilação com luz intensa pulsada, atualmente, outro de seus carros-chefe.

Finalizando a entrevista, Cristiano dos Santos agradeceu a presença de Edy Guimarães  na última edição do Programa Estética na TV deste ano e disse que em 2015 o programa retorna totalmente repaginado, para levar cada vez de forma melhor informações para o Brasil e para o mundo. “É como se o Programa Estética na TV tivesse feito um tratamento de pele com a Edy Guimarães“, disse.

Edy parabenizou o programa, mais uma vez, e disse que em 2015 trará mais novidades, como sua pesquisa asiática, na qual descobriu produtos incríveis feitos na Coreia, com uma grande variedade de máscaras, como a de ovos, com as quais ficou encantada e produtos inéditos de maquiagem. Aguardemos!

Para falar com Edy Guimarães, anote seus contatos:

Instagram: instagram.com/edybeleza

Facebook: facebook.com/edyguimaraes

E-mail: edy@edyguimaraes.com.br

Tels.: (11) 2645-9590 / (11) 3051-7712

 

 

 

 

 

 

Pin It on Pinterest

Share This